quinta-feira, junho 26, 2008

De magnata a babá para cumprir pena

Não Aconteceu no Brasil!
Condenado por corrupção e fraude, o presidente da indústria sul-coreana de automóveis Hyundai cumpriu, ontem, seu primeiro dia de pena.Chung Mong Koo, 71 anos, cuidou de bebês e trabalhou na limpeza de uma creche.O executivo havia sido condenado a três anos de prisão, mas teve sua sentença convertida na prestação de 300 horas de serviços à comunidade no início deste mês. Também terá de ministrar palestras, escrever artigos sobre ética nos negócios na mídia local e fazer doações para caridade.Mong Koo teria desviado fundos da empresa no valor de 90 bilhões de wons (R$ 139 milhões) para subornar funcionários públicos e executado operações fraudulentas com ações para garantir seu controle na empresa, causando à Hyundai um prejuízo de 210 bilhões de wons (R$ 325 milhões). O executivo chegou a ser detido em abril de 2006, mas ficou apenas dois meses em prisão preventiva e ganhou liberdade após pagar fiança.
Fonte:Jornal ZH

3 comentários:

Antonio Paulo disse...

Tomara que ele não ensine aos bebes seus métodos mais eficientes.

Anônimo disse...

mariana...se aqui tivessemos este mesmo tratamento aos POLITICOS BANDIDOS QUE TEMOS E EMPRESARIOS INESCRUPULOSOS E SONEGADORES O NOSSO PAIS SERIA MUITO MELHOR SEM DUVIDA...JADER.-

SOS JJ JUSTICE disse...

Por favor ajude-nos à salvar a vida do nosso pai, CHONG JIN JEON.
Ele é uma grande vítima de perseguição política e que está aguardando a sua extradição para à Coréia aqui no Brasil.
Ele é uma grande vítima deste poder econômico e perseguido pelos grandes líderes da Coréia do Sul.
Como dito, a Coréia tende confundir entre a JUSTIÇA e a ECONOMIA.

visite o nosso site;
http://www.justica.blogger.com.br
http://www.youtube.com/jeonjustice

Antecipadamente gratas,
Jeniffer, Suely, e Bonnie JEON

JUSTIÇA!!!