sexta-feira, maio 30, 2008

Brasil pode ter 1ª linhagem de células-tronco

O Brasil pode ter, até o fim do ano, sua primeira linhagem de células-tronco embrionárias humanas. A previsão é da geneticista Lygia da Veiga Pereira da Universidade de São Paulo (USP). Linhagem é uma população de células-tronco embrionárias capazes de replicação in vitro, oriundas das células obtidas de um único embrião. "Já estamos trabalhando nessa pesquisa há cerca de dois anos", afirma Lygia. "Esperamos concluí-la até dezembro." Por enquanto, 17 países possuem suas próprias linhagens.
Atualmente, os pesquisadores brasileiros utilizam matrizes estrangeiras, especialmente americanas, para desenvolver suas pesquisas. Lygia explica que a principal vantagem de uma linhagem nacional é a "autonomia" conquistada pela comunidade científica. "Se as linhagens utilizadas no País forem consideradas impróprias para uma determinada pesquisa, não importaremos. Criaremos novas linhagens", aponta.
"Mesmo com a incerteza gerada pela ação direta de inconstitucionalidade, o governo federal decidiu investir nessas pesquisas", afirma. Os ministérios desejam que a pesquisadora divulgue para outros cientistas brasileiros o conhecimento adquirido no seu laboratório sobre a criação de linhagens de células-tronco embrionárias humanas. A geneticista espera que, com o fim da insegurança jurídica, a iniciativa privada também comece a investir nas pesquisas.
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

2 comentários:

Antonio Paulo disse...

Sempre fui a favor das pesquisas e acho que os dependentes desse trabalho e de suas aplicações serão beneficiados.O Brasil deu um passo importante parabéns aos Ministros que tiveram sensibilidade e sabedoria para tomarem tal decisão.

Anônimo disse...

Aprendi muito