sexta-feira, julho 11, 2008

Mulher recorre a justiça e ganha Viagra no RS

Por determinação judicial, o Estado deverá fornecer gratuitamente Viagra para uma paciente. A decisão foi tomada pela 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça, que obrigou o Estado a conceder o medicamento. A mulher é portadora de hipertensão arterial pulmonar severa e da chamada cor pulmonale grave, que provocam entre outros efeitos dispnéia (dificuldade de respiração) constante.O juiz Pedro Luiz Pozza, relator do processo, considerou irrelevante o fato de o medicamento ser registrado para tratamento diverso da enfermidade da autora. Embora o Viagra destine-se a portadores de disfunção erétil, uma perícia judicial concluiu que o uso do remédio melhorou a capacidade física da paciente, diminuindo a pressão da artéria pulmonar. O juiz também minimizou o fato de o Viagra não se encontrar na lista de medicamentos essenciais.
Fonte:Zero Hora 10/07/08

2 comentários:

Antonio Paulo disse...

Só nessa terra chamada "Brazilis" as pessoas dependentes de um medicamento vital para saude, tem que recorrer a justiça para sobreviver. Enquanto isso em Brasilia capital dessa terra com sérios favorecimentos, as elites,os senadores esses srs. que mandam e desmandam nessa terra com um presidente ausente,aprovaram a contratação de mais 90 sanguessugas recebendo cada um 10.000,00 por mes.

Anônimo disse...

Mariana. Tem razão o Sr.Antonio Paulo, isto é incrivel...mas quando necessitamos de medicamentos é um problema, uma serie de papeis,documentação etc.etc. Inclusive na Farmacia do Estado, somente indo lá e verificar a tristeza a desolação das pessoas, até TRANSPLANTADOS, quando o atendente diz que ainda NÃO TEM O MEDICAMENTO, ou NÃO TEM A DOSAGEM DO PACIENTE ETC... e sabemos nós q quando o pciente NÂO toma o medicamento corretamente o orgão podera ser perdido e o PACIENTE VIR A OBITO... este é o Estado do RS e o BRASIL, E COM SENADORES GANHANDO MAIS UM PARASITA DO POVO POR OBRA PROPRIA DELES SENADORES...SUAS EXCELENCIAS...jader martins.-