quarta-feira, março 23, 2011

"Invadir" terra ou praia, há diferença?














Qual a diferença entre os invasores de terra, conhecidos como MST, que eu chamo de "baderneiros' e os ricos que se tornam "donos" de um bom "pedaço" da praia?

Conheci através do guia 'credenciado' em Natal as casas da ex-governadora Wilma Farias do RN( renunciou no ano passado para concorrer ao senado) e da Luiza Brunet.
Os proprietários das belíssimas casas "fecharam' o acesso a praia.
Em Natal o acesso só é permitido para os proprietários, o que não é bem assim na praia Vermelha em Santa Catarina.
A família Gerdau construiu quatro mansões na Praia Vermelha (SC) e fechou o acesso, tornando como praia particular.
Como não pode 'fechar" um lugar público, a "punição" foi construir trilhas para os turistas.
Uma amiga disse que a caminhada é longa e cansativa, mas vale pelo visual, pela beleza da praia.
“Ela disse que quase “morreu” de tanta sede, e se os pedestres não carregarem ‘água”, não terão aonde comprar.
Há meses me pergunto: Qual a diferença entre pobres e ricos que se "apropriam" do que não lhe pertence?

" Praia Vermelha
A praia é deserta e não possui infra-estrutura, seu acesso ocorre somente pelos seus morros circundantes. A Praia Vermelha é de acesso privado, entretanto, a Prefeitura Municipal de Imbituba viabilizou acessos que são feitos por trilhas; uma pelo Rosa Norte e outra pelo costão da Praia do Ouvidor (Garopaba).
A praia Vermelha, dominada pela família Johannpeter, do Grupo Gerdau, possui acesso privativo feito por trilha. É deserta e não possui infra-estrutura.
Até pouco tempo atrás, a praia pertencia somente ao município de Garopaba. No entanto, uma nova delimitação dos municípios anexou o canto sul da Vermelha a Imbituba.

Fonte: http://www.guialitoralsul.com.br/tags/praias-de-santa-catarina/page/3/

40 comentários:

Mauro S disse...

Oi Mariana, conseguistes sim, que bom.
Já o target="_blank" coloca-se abrindo o Editar HTML.
Mais por e-mail.
Beijos! M

L. Sampaio disse...

E isso é algo para se questionar. Quem é certo e quem é o errado? Acho que geralmente é o governo, permitindo que praias públicas tornem-se privadas e não fazendo uma reforma agrária decente que deixe todos satisfeitos...
beijos.

Wanderley Elian Lima disse...

A diferença é que os "Sem terras", são marginalizados, e os bacanas, a justiça finge que não está vendo, porque o ato em si é tudo igual.
Bjux

puroamor disse...

Concordo como o Wanderley.
Os ricos estão "protegidos".

chica disse...

Já ouvi falar dessa praia de SC e dizer que vale a pena pois os Gerdau construiram algo maravilhoso.Parece que ficou ótimo.Ainda bem, popis não podem adonar-se assim no mais sem deixar passagens...beijos,chica

ValériaC disse...

Voce tem razão em fazer este questionamento.
Não acho correto, pois o mar é nacional, portanto todos deveriam ter acesso a tudo, a não ser que implique em segurança nacional.
Eles não podem fechar o acesso com cercas, ao que parece, só o fazem com plantas, mas as pessoas acabam se intimidando e ficam com medo de estar invadindo algo.
Beijos
Valéria

Anne Lieri disse...

Mariana,sempre é assim:quem tem grana,pode tudo,fica isento,sem multa,sem punição,pode fechar praia,ser dono do mar...muito revoltante a atitude do governo!Uma excelente denuncia!Bjs,

Sérgio Cazu disse...

Oi,

Eu acredito que a culpa real seja do governo por não poder fornecer aos milhões de desabrigados do Brasil uma moradia decente que tenha ao menos as necessidades básicas para se ter uma vida com dignidade.
O ladrão rouba e até mata, mas ele não nasce ladrão, quem o fez assim foram as circunstâncias que a sociedade propõe para aquela determinada pessoa - não sou inocente, sei que a maldade real existe - mas se fossem seus filhos em casa passando fome você não faria o mesmo?
Nessas horas não adianta falar em oportunidade, até por que quem nasce na favela não tem muitos exemplos a seguir a não ser aqueles que obtiveram sucesso no mundo da marginalidade. Existem aqueles que conseguem fugir do ciclo vicioso.
Com o MST não é muito diferente... e outra, o rico já tem uma mansão para dormir todas as noites, e o pobre do MST? O que tem fora as ruas e os viadutos?
Não quero dar uma de bom samaritano ou agente ativista dos direitos humanos, é apenas questão de lógica, não posso excluir e banalizar um ser que luta pelos próprios direitos e que é friamente criticado pela mídia formada de grandes latifundiários e homens de poder que NÃO QUEREM perder seu "excesso" de terras.

Obrigado por compartilhar o texto, uma ótima noite.

Aquele abraço!

piedadevieira disse...

Não, não há, Mariana. Pena que está acontecendo abertamente e ninguém faz nada.
Beijos

Eduardo Medeiros disse...

mariana,isso é vergonhoso!! falta de cidadania e caráter, no mínimo.


p.s olha, estou craque em trocar fraldas, viu? rssss

ONG ALERTA disse...

Diferença nenhuma, mas toda quando o dinheiro fala mais alto neste pais...
Beijo Lisette

Nilce disse...

Oi Mariana

Sumi, mas por um bom motivo.
Tenho respondido só meus comentários e hoje tive tempo de vir aqui. Espero que tudo entre nos eixos a partir de agora. rs

Também fico indignada com isso no litoral. Você conhece Ilhabella - SP?
Pois lá quase todas as prais são particulares. Tudo fechado. São 3 ou 4 acessos por bares aos turistas, e mesmo assim há a necessidade de pagar taxa de consumação e estacionamento.
Um ricaço construiu a garagem de sua mansão no encontro do mar, para ficar no sossego.
Mas casa de pescador não tem praia fechada.
Tudo isso no meio do mato. Em Floripa, algumas praias são assim também.
Um absurdo!

Bjs no coração!

Nilce

jader/zezi disse...

Mariana coloquei o comentario no Post trocado...se puderes coloca no certo ok, um abraço.- jader

Long Haired Lady disse...

pelo menos os "pobres" precisam de moradia…de uma terra para plantar ( se fosse só isso, seria justo).
acho absurdo interditar um lugar publico, é invasão, e pede policia ( se isso fosse sério…).

Jader Martins disse...

Mariana...a Lei, esta em quem detem o poder e na mira de 1 fuzil, mais ou menos isto disse o Dr.Paulo Torelly ante ontem no C.Cruzadas...e isto ai e uma demonstração do PODER DOS QUE TEM DINHEIRO...e de quem faz as Leis q é financiado por estes. Ontem mesmo o STF chacelou a VOLTA DE CORRUPTOS AO CONGRESSO...a quem interessa isto q o STF fez? AO POVO...não pois todos estes estao com suas fichas IMUNDAS, e o PODER QUER Q ELES SEJAM AS PESSOAS Q FAZEM NOSSAS LEIS...e q beneficiam uma CASTA A Q ESTA NO PODER E OS RICOS PODEROSOS Q TEM MUITO DINHEIRO...isto ocorre de norte a sul do Brasil...patrocinado pelos RICOS E PODEROSOS E PELOS Q DETEM ESTE PODER SUJO Q IMPERA NO PAIS.- jader martins.-

Professora Carla Fernanda disse...

O dinheiro é que parece estar certo nesse caso de abuso.
Beijos,
Carla Fernanda

Professora Carla Fernanda disse...

O dinheiro é que parece estar certo nesse caso de abuso.
Beijos,
Carla Fernanda

Professora Carla Fernanda disse...

O dinheiro é que parece estar certo nesse caso de abuso.
Beijos,
Carla Fernanda

Professora Carla Fernanda disse...

O dinheiro é que parece estar certo nesse caso de abuso.
Beijos,
Carla Fernanda

Mauro S disse...

Eu sempre preferi com fundo branco.
Beijos!

Pena disse...

Oh, Estimada e Preciosa Amiga:
Que é isso de fechar as praias?
Não acredito,digo-lhe com sinceridade.
Paraece outra anedota, desculpe.
IMPENSÁVEL, amiga!
"...Há meses me pergunto: Qual a diferença entre pobres e ricos que se "apropriam" do que não lhe pertence?..."

Excelente atitude.
Abraço amigo à sua preciosa atenção ao que não está correcto na vida.
Com gigantesco e enorme respeito e sempre a admirá-la

pena

Posso me rir um bocadinho?
Nunca pensei tal?
Bem-Haja, notável amiga.

Iza Barros disse...

Olá querida???!!Obrigada pelo carinha da visitinha.Adorei seu blog, muito interessante.Bjks

CAIXA DE FATOS disse...

Olá Mariana.
Gostei de seu blog.

Bjs

Dadi

Juliana Dias disse...

Cada vez que eu me leio mais sobre o que acontece por aqui, mais me enojo...

Vou te seguir por lá tb!

bjs

Rosemildo Sales Furtado disse...

A diferença é que o miserável do MST não tem dinheiro para financiar candidaturas de certos políticos.

Beijos,

Furtado.

Jeanne disse...

concordo com o Wanderley.
Não entendo muito, mas deveriam ter leis sobre isto. Ou já existem e não são cumpridas?
Beijos

Everson Russo disse...

É um assunto complexo a se debater...grande beijo de bom final de semana...

Cacá - José Cláudio disse...

A formação dos latifundios no Brasil começou assim mesmo. Doação de terras dos indígenas para portugueses. Depois, invasão e legalização pelos proprietários(?). A diferença, creio é que com todos os males que o MST provoca, o tratamento que a justiça dá aos grileiros e aos posseiors (todos são invasores) é muiiiiiito desigual! Eu fico imaginando: se um juiz for convidado a ir à praia particular dos Gerdau, provavelmente não hesitará em lhes conceder uma escritura da praia. Já, se for convidado a ir a um assentamento, vai levando polícia, etc, etc, etc. Abraços, Mariana.

PS: meu irmão vai se recuperando muito lentamente mas com uma firme disposição e esperança. Obrigado mesmo! Paz e bem.

Leandro Ruiz disse...

Mariana, vim agradecer sua visita e por ser seguidora do "LUZ DIVINA" e do twitter e facebook, seja muito bem vinda!!!

"Construir a felicidade é um ato paciente que não se alcança queimando etapas. Percorra."

Espero vê-la mais vezes por lá!
Paz e bem!!

Pelos caminhos da vida. disse...

Aqui no Brasil nada é mais novidade, tudo pode e tudo acaba em pizza...

beijooo.

AFRICA EM POESIA disse...

Mariana
Mas a Vossa Primavera e Outono são lindas Estações. Aqui o Inverno quebra o encanto. o frio é muito

Um beijo

AFRICA EM POESIA disse...

Mariana
Mas a Vossa Primavera e Outono são lindas Estações. Aqui o Inverno quebra o encanto. o frio é muito

Um beijo

AFRICA EM POESIA disse...

Mariana
Mas a Vossa Primavera e Outono são lindas Estações. Aqui o Inverno quebra o encanto. o frio é muito

Um beijo

AFRICA EM POESIA disse...

Mariana
Mas a Vossa Primavera e Outono são lindas Estações. Aqui o Inverno quebra o encanto. o frio é muito

Um beijo

Cris disse...

Sinceramente?
Não sei dizer por eles, mas por mim.
Há anos, mais de 26, trabalho mais de 11 horas por dia.
Sou professora, acredito no meu trabalho, mas, não acredito em políticos. Não mesmo.
Beijo Mariana!

Cantinho She disse...

Passando por aqui e conferindo sempre os seus posts interessantes, beijo, beijo querida! ;)
She

Meus blogs - Fernanda Rocha disse...

Muito legal o texto, faz a gente pensar nesse assunto de invação que é algo muito relevante em nosso país. abraços.

Sandra Botelho disse...

São absurdos atrás de absurdos neste pais...Muito dificil isso.Beijos achocolatados

claudete disse...

E ainda dizem que vivemos em um País onde as desigualdades são mínimas, só pode ser piada...ainda vivemos na época em que pessoas chegam primeiro enfiam a estaca e tomam posse de extensas propriedades e não é apenas em áreas litorâneas. É só procurar que acha,infelizmente. Abraços

Anônimo disse...

pra quem acha que o MST são baderneiros não deveria estar chiando?? só porque vc não conseguiu sua mansão na praia??