quinta-feira, junho 17, 2010

Brasil:Punição no crediário

Brasileiro: Mostra a tua cara

" A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou ontem, em Brasília, um projeto de lei que facilita o pagamento de multas de motoristas infratores, ao permitir que o valor seja parcelado em até seis vezes.

A proposta tem caráter terminativo na Casa, ou seja, segue agora para a Câmara dos Deputados, de onde será encaminhada para sanção presidencial ou arquivada.
Especialistas temem incentivo à impunidade.
O relator da proposta, senador Alvaro Dias (PSDB-PR), concordou com a necessidade de socorro financeiro.
Em seu parecer favorável, com duas emendas, ele argumenta que “se, em tese, o peso das multas é capaz de induzir os cidadãos ao cumprimento da lei, na prática, a impossibilidade de arcar com o pagamento de valores considerados excessivamente altos tem levado uma legião de infratores à inadimplência”.
Fonte: Zero Hora

Não precisamos ser especialista para saber que este projeto é um incentivo à impunidade.
Sejamos cidadãos responsáveis, conscientes e com amor à vida, a nossa e dos que amamos. Convido todos para enviarem email para os deputados federais do seu Estado, repudiando este projeto.

"O maior castigo para aqueles que não se interessam por política, é que serão governados pelos que se interessam."Arnold Toynbee

Conto com a consciência e atitude de todos.
Chega de impunidade neste país.

28 comentários:

jader/zezi disse...

Mariana...quem nao tem competencia q nao se estabeleça...onde ja se viu pagar multas de veixculos a prestação...coisa de brasileiro e politico ORDINARIO.- jader martins.-

Anônimo disse...

Nem tanto ao céu, nem tanto à terra. Tem que acabar também com a indústria de multas, esses azuizinhos escondidos atrás das moitas, que são uma demonstração clara de que não se preocupam em orientar e sim em arrecadar. E também, esses milhões gastos pela prefeitura de Poa com a campanha "Novo Sinal" poderiam e deveriam ter sido gastos em reeducação de nossos péssimos motoristas e não na criação equivocada de "um novo sinal" cuja atribuição é exclusiva do CONTRAN. Fizeram um "engana-bôbo", uma confusão e resultou nas estatísticas publicadas semana passada na Zero Hora. Dinheiro posto fora. Nosso trânsito é regido por amadores. Quanto a parcelar multas, pior é não pagá-las. Não vejo nenhum problema com este projeto de parcelar. Não é perdão, é parcelamento.

ValériaC disse...

É Mariana, entendo que seja bom receber as multas de alguma forma, mas, facilitar demais a vida dos infratores me parece um incentivo a mais, para continuarem cometendo mais infrações...mais uma vez poderão presentear quem erra, como fazem por aqui, não sei se ai no Sul também, que dão descontos no final do ano para quem atrasa IPTU e quer regularizar a situação, ou seja, quem faz tudo certinho, nunca ganha nada.

Beijinhos
Valéria

Chica disse...

Essa é dose!!beijos,chica

Pepi disse...

Olá Mariana,
Isto é Brasil...
Olha, tem selinho para você
Passa lá
Lambeijos e Ronrons
Pepi e Xixo

Celina disse...

oi querida agradeço o seu comentário amavel,um fim de semana de muita paz po a vc e familia, li o seu post achei muito bom, ainda bem que tem quem torne pública esses absurdos. um abraço carinhoso celina.

Florentino disse...

é o vosso brasil bem diferente da minha angola.

Anne Lieri disse...

Mariana,tem razão!As pessoas que tem muitas multas irão poder parcelar e então,não se preocuparão em fazer mais infrações!Só nesse país mesmo!Muito bom seu alerta!Bjs,

Wanderley Elian Lima disse...

Isso só acontece no Brasil,onde nada é levado a sério. Lamentável.
Beijos

Mauro S disse...

Tinham que mudar a lei, mas sobre política, apesar do pensamento no final do post, odeio, nunca funcionou comigo, mas em todo o caso este é um ano eleitoral, que pensem melhor em quem votar.
Sobre o Inter, mesma resposta, só sei que existe ou não, em GreNal, e não consigo torcer, nem quando joga contra os odiados paulistas, Palmeiras, Santos, Corinthians e São Paulo.
De resto, e por alguns dias, o pensamento está na fraquíssima seleção montada pelo Dunga, mas cada um com sua panela, esta é a mais fraquinha.

Beijos, Mauro

Mauro S disse...

Sobre mandar e-mail, mandei vários e por assuntos meus, nem mesmo uma resposta automática, nada, que não me interessa mais, darei a resposta a eles na hora do meu voto, meu voto, meu NÃO.
O mesmo NÃO que eles deram pra mim ao não darem uma respostinha que fosse aos meus pedidos.

ZildaeAntonio disse...

Oi, Mariana
Tudo bem com vc?
Acho que o projeto aprovado pela CCJ é inconstitucional. A arrecadação de multas de motoristas infratores não pertence ao estado de origem? Como a CCJ pode aprovar esse projeto de lei?
Talvez eu esteja enganada...
Um abraço e tudo de bom!

ONG ALERTA disse...

Infelizmente é nosso país, quando alguém vai levar a sério...

Isadora disse...

Mariana concordo que todos nós devemos nos preocupar com a nossa vida e com a dos outros. Infelizmente ficou comprovado que após o início da fiscalização, o número de acidentes e mortes diminuiram, mas acho os valores cobrados bem altos. Muitas vezes você recebe uma multa altíssima, por passar com o sinal vermelho, de madrugada, mas como ficar parada em um sinal essa hora, em uma cidade como o Rio de Janeiro? Impossível. Isso também é preservar a vida, mas é cobrado multa. Se houvesse um policiamento decente fatos como esse não acontecessem.
Um beijinho

Sandra disse...

Retribuindo o seu carinho em passar na INTERAÇÃO DE AMIGOS. Já tem uma linda carta de amor. Vou te esperar por lá.
http://sandrarandrade7.blogspot.com
Ainda aproveito para, oferecer dois selinhos estam aqui..Venha ser mais um seguidor. Fica o convite.

ESTÃO AQUI:
MEUS MIMOS OFERECE A VC.
SELO PRÊMIO DARDO.
http://sandraandrade7.blogspot.com/
PASSE EM MEUS MIMOS E LEVE ESTE CARINHO.
NO SINAL DE LIBERDADE TBÉM TEM UM TE ESPERANDO, http:sandraandradeendy.blogspotcom
vou te esperar com muito amor..Este cantinho é muito especial CARINHOSAMENTE,
SANDRA

Sônia Silvino disse...

É inacreditável, Mariana!
Pobres de nós, cidadãos corretos!
Bjkas, minha linda!

**£ú® disse...

Uma casa só vai virar um lar quando você for capaz de escrever "Eu te amo"
sobre os móveis !!!...isso é parte do texto TIRE O PÓ, SE PRECISAR...passa lá em casa prá ler o resto... e VIVA O BRASIL !!!...bj... **£ú®

legalmente loira... disse...

mariana querida,
obrigada pelo carinho...
são coisas do brasil hil hillll
ja pensou pagar a prestação multas que calamidade a que ponto chegamos.
eu fico enjuriada,nervosa..
eu vivo assistindo a tv do senado é
um cico so falta mesmo o nariz.
bjos com carinho.

Pena disse...

Oh, Doce Amiga:
Concordo consigo: isto vai aumentar o poder punitivo e abrangerá maior número de pessoas incautas e prevaricadores.
Não me quero imiscuir nos assuntos políticos do seu lindo país como VOCÊ é.
Perfeito post. Com o seu talento.
"Potes" de beijinhos amigos e respeitadores.
Sempre a apreciar o que faz com ternura e a pensar no bem-estar da sua linda Nação de sonho.

pena

Bem-Haja, extraordinária amiga de encantar e maravilhar.
Adorei.

Cacá disse...

Daqui a pouco vão querer aumentar a tolerância do bafômetro. Ah, Mariana, " a grana que ergue e destrói coisas belas" sempre falando mais alto. Estão mais preocupados com a inadimplência do que com a vida da gente. Abraços cheio de revolta. Paz e bem.

FERNANDO disse...

Oi, Mariana.
Concordo com você, já que as multas têm caráter punitivo. Todavia, não custa lembrar que não vivemos num mundo perfeito (onde nem seria preciso aplicar multas), mas sim num país onde a "indústria da multa" campeia solta.
É claro e cristalino que o objetivo precípuo desse projeto é eminentemente arrecadatório, e considerando que muitas das multas são lavradas injustamente (e embora passíveis de recurso, eles raramente são deferidos)...
Enfim, como minha avó costumava dizer, "os justos pagam pelos pecadores".
Abraços.

Ana Lúcia Porto disse...

Oi Mariana,

Concordo que o objetivo não seja nada educacional, ao contrário, visa engordar o erário público. Ou seja, é como se o cidadão pudesse não se sentir tão lesado pelos valores altos das multas e não sentisse outras mais lhe sendo aplicadas, muitas vezes, sem necessidade. O que é bastante comum.

Beijos,

Livinha disse...

Isto que podemos chamar de senso da ridicularidade. Dessa corja pode-se esperar tudo. Não nos espantemos com o que ainda póssa vir pela frente.
Bom Dia
Livinha

godoy disse...

É muito facil, facial ao extremo...mata-se e corrompe-se sem uma punição exemplar e ainda paga-se em suaves prestações...(credo qui absurdum) crei porque é um absurdo.
Devemos trabalhar nossos votos com
conciência, para termos um Brasil diferente! Godoy

Marilu disse...

Querida Mariana, realmente o Brasil é o país da impunidade, ao invés de reeducar os motoristas para que nao cometam as infrações, vão parcelá-las. Claro, a industria das multas gera milhões de reais para esse governo corrupto.Parabéns pela denúncia.Tenha um lindo final de semana...Beijocas

Mari Amorim disse...

Passei para ler e desejar um excelente final de semana,
Boas energias,
Mari

Samantha: disse...

A Paz de Jesus e o Amor de Maria!
Tudo bem Mariana? Espero em Deus que sim! Muito bom receber sua visita! Obrigada por se fazer seguidora do meu cantinho! Também já estou te seguindo e te add nos meus favoritos! É... já vem mais uma eleição e temos que ficar de olhos bem abertos! Atualizei agorinha. Beijinhos e bom final de semana! Samantha

brasildobem disse...

Era só o que falatav mesmo parcelar as multas e assim facilitar o pagamento, é o mesmo que dizer, cometam infraçòes que nós facilitamos.
Bjs
Janeisa