quarta-feira, outubro 26, 2011

Escutar os enlutados

    " Eram um casal inseparável. Ambos obstetras, trouxeram centenas de bebês ao mundo. Dizem que os partos estão deixando de ser nascimentos, transformados em cirurgias eletivas. Com eles não era assim. Criaram dois filhos, tiveram netos, estavam aproveitando o início de uma nova época, com menos trabalho, curtindo a sensação de dever cumprido. Subitamente ele partiu, sequer teve tempo de perceber a morte. Tranquilo, em casa, em meio a uma frase, foi traído pelo coração. Levou consigo os belos planos de (mais) vida a dois.

Nesse ano minha consulta anual atrasou-se. Não sabia o que dizer a ela, já mais amiga que médica. Nossos papos roubados costumeiramente abarrotavam sua sala de espera. Encontrei-a forte. No consultório que era de ambos, costumava se escutar a voz dele, alta e musical, agora o silêncio se fazia ouvir. Naquele dia fui disposta a inverter as coisas: a consulta era minha, mas queria que os assuntos fossem dela. Sabia que seria difícil escutar o que ela tinha para contar. Também constituo um casal no qual partilhamos o trabalho e o companheirismo dos tempos livres, por isso sempre nos vi neles. É insuportável pensar que um dos dois pode instantaneamente desaparecer. Por isso a missão de escutá-la era difícil. Temia sufocar o encontro com uma verborragia solidária mas vazia.

Descobri que sua relação com a dor foi admirável: deixou-se chorar, enfrentou a solidão, a nova imparidade. Continuou, como de hábito, sendo parteira da vida, desta vez da própria, arrancada a fórceps das suas entranhas. Mas encontrei também o que temia: a infinita solidão dos enlutados. Quando falamos com eles raramente suportamos seus depoimentos. Impomos nossa versão: relatamos o último encontro, nossa reação ao saber da perda, a falta que o falecido nos faz. Sempre temos algo a dizer, não importando se fomos próximos, íntimos ou remotos admiradores. Aliás, quando se trata da dor do outro, raramente conseguimos escutar suas queixas sem interpor nossos depoimentos: “também passei por isso e, veja bem, comigo foi pior”...

Colocar-se na cena serve para partilhar o sofrimento, ajuda na elaboração do trauma. Mas a tagarelice ansiosa que irrompe na hora das condolências é útil mesmo para abafar as palavras do enlutado. Quando estamos fora da dor do viúvo, do órfão, dos que foram privados da presença de um pai, irmão ou, o pior de tudo, um filho, não queremos chegar tão perto. Seu sofrimento assusta. O enlutado nos apavora mais do que o morto no seu caixão. Apesar de ser nossa única certeza, a morte segue tabu e o sobrevivente seu emissário."
Diana Corso
Zero Hora 26/10/11

29 comentários:

LUCONI disse...

Sim concordo com o texto, quando minha mãe e depois minha irmã faleceu simplesmente meus melhores amigos sumiram por meses, isto muito me magoou, por que amigo é amigo, não se deve afundar ainda mais na solidão de sua dor quem perdeu alguém, deve-se cercá-lo com amor e carinho, deixar que desabafe que chore e que renasça para a vida tudo ao seu tempo, ficar ao seu lado nem que seja de forma muda é muito importante, beijos Luconi

ONG ALERTA disse...

Querida amiga nascemos para morrer um dia, mas náo fomos educados para entender que a morte chega para todos, as pessoas tem medo da morte e principamnete dos que ficam, tu conviveu comigo e sabe bem o que é isso, beijo no coraçáo, saudades Lisette.

Antonio Campos disse...

Minha amiga Mariana cá estou de volta depois de mais um infarte. E no meu caso haveria com certeza uma igualdade com relação a esse casal. Estou casado há 47 anos e convivo com minha parceira fazem 55 anos.Falamos várias vezes sobre essa separação natural. Mas tenho certeza que quando chegar a hora o que ficar deverá sofrer muito com certeza. Faz parte da evolução mas é triste.

Tina disse...

Um texto para se refletir...como será que tenho agido com amigos enlutados?
Antigamente confeço procurava ficar distante ,com medo de não saber direito o que falar...agora, prefiro ficar ali, em silêncio, mas presente,se possível de mãos dadas, para que meus amigos saibam que podem contar comigo.
bjs
Tina (SONHAR E REALIZAR)

Ângela Coelho disse...

As pessoas acham que deixando os enlutados sós é melhor, mas a presença partilhando um abraço, um aperto de mão, serve para amenizar a falta.
Beijos.

Pensador disse...

Um texto maravilhoso!
De fato, pouco sabemos escutar, é mais fácil falarmos sem parar. E, numa situação desta, escutamos menos ainda. E o que melhor poderíamos fazer é, realmente, apenas escutar quietos...
Beijo!

Pepi disse...

Querida Mariana,
Gostei muito do texto.
Todos nós vamos morrer um dia, mas eu não lido nada bem com perdas.
É muito triste!!
Tenha uma abençoada semana e tudo de bom.
Beijinhos de
Verena e Bichinhos

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Passando para colher
as mensagens
das histórias
de vida,
que nos fazem
refletir sobre a vida,
e cuidar
da amizade
para que continue
a florescer.


Que a alegria
faça folia
em teu coração.

Denise disse...

Interessante sua colocação. Como a morte nos incomoda e como nossas palavras somem ao tentar confortar aquele q permanece nessa vida. Talvez nem tenhamos q falar, apenas ouvir. Muita paz!

Liene disse...

Querida Mariana,

Quando as coisas vão erradas e o momento é de crise, não pense que todos os seus esforços têm sido em vão, segue.
Talvez tudo tenha sido para melhor. Sorria... E experimente outra vez! Pode ser que o seu aparente esforço venha a ser a porta mágica que o conduzirá para uma nova felicidade, que você jamais conheceu. Você pode estar enfraquecido pela luta, mas não se considere vencido. Isso não quer dizer derrota. Não vale a pena gastar seu precioso tempo em lágrimas e lamentos.
Levante-se!
E enfrente a vida outra vez. E, se você guardar em mente a alto objetivo de suas aspirações, os seus sonhos se realizarão. Tire proveito dos seus erros. Colha experiências das suas dores. E, então, um dia você dirá:
“... GRAÇAS A DEUS EU OUSEI EXPERIMENTAR OUTRA VEZ,
E REENCONTREI A PAZ, O AMOR E A FELICIDADE..."

Que a paz de Deus permaneça no seu coração renovando suas forças e esperanças a cada dia!

http://www.youtube.com/watch?v=rRw715y39hU

Um abraço carinhoso da equipe do Yehi Or

http://hajalluz.blogspot.com/

Maria José Rezende disse...

Que você tenha no olhar, o encantamento da vida.
Que você tenha no coração, a plenitude do amor.
Que você possa sentir a presença de Deus, da paz, do amor e do perdão.
Que você acredite na beleza da vida, nos sonhos e na esperança.
Um feliz Natal e um Ano Novo com muita luz.
Beijos. Maria José

Pelos caminhos da vida. disse...

Feliz Natal e um 2012 repleto de muita saúde, paz, amor e de gdes realizações.

Obrigada pela sua companhia durante esse ano, e espero que no ano que está por vir, te veja muitas e muitas vezes "Pelos Caminhos da Vida".

Um gdeeeeeeee abraço.

beijooo.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Hoje minha visita é para agradecer
o presente que é para mim
a sua amizade,
e também desejar
um maravilhoso Natal,
onde possas encontrar nestes dias
ainda mais inspiração
para a alegria de ser feliz,
e para o milagre de fazer
quem passa por tua vida feliz.

Que o teu olhar seja a mais perfeita
luz do Natal a enfeitar o mundo.

Marilu disse...

Querida amiga,
É Natal...
Um momento doce e cheio de significado para toda a nossa vida...
É tempo de repensar valores,de ponderar sobre a vida, e tudo que nos cerca.
É o momento de deixar nascer essa criança pura, inocente e cheia de esperanças que mora dentro do nosso coração para termos um mundo com muito mais Amor e Paz!!!
Desejo a você e toda a sua família um Natal abençoado e cheio de alegria.
FELIZ NATAL!!!!!

Beijocas de luz e paz...

SONINHA disse...

Mariana, minha ídola! Cadê você???
O Natal está bem próximo...
"Papai Noel, neste Natal eu desejo que a "Paz e a Harmonia" encontre moradia em todos os corações.

Que a Esperança seja um sentimento constante em cada ser que habita este planeta.

Desejo que o Amor e a Amizade prevaleçam acima de todas as coisas materiais.

Que as Tristezas ou Mágoas, sejam banidas dos corações,
dando lugar apenas ao Carinho.

Que a "Dor do Amor", encontre o remédio em outro Amor.

Que a "Dor Física", seja amenizada e que Deus esteja ao lado de todos, dando muita força, fé e resignação.

Que a Solidão seja extinta, e no seu lugar se instale
a Amizade Verdadeira, e o Companheirismo.

Que as pessoas procurem olhar mais a sua "volta", e não tanto para "si" mesmas.

Que a Humildade e o Respeito residam na Alma e no Coração de todos. "Que saibamos Amar e Respeitar o Próximo como a nós mesmos".

Desejo também que meu pedido se realize não só neste Natal,
mas em todos os dias de nossas vidas!"
(Desconheço a Autoria)

Um lindo Natal para você!
Feliz 2012!!!

Marilu disse...

Querida amiga,

Ter asas é viver intensamente as coisas simples e belas do dia a dia.
Ter asas é ficar em silêncio e ouvir dentro da gente, o Deus que habita cada coração.
É isso que lhe desejo para o Ano Novo que está chegando...
Que você tenha asas como as águias.
Que a lua e as estrelas emprestem um pouco do seu brilho, para iluminar o Novo Ano,
e que Deus nos dê "Asas de Águia" para voarmos bem alto na construção de um mundo melhor.
Tenha um Feliz e abençoado Ano Novo ao lado daqueles que você mais ama. Beijocas.

O Profeta disse...

Tenho no celeste uma estrela como minha
No contar das vagas formulo sempre um desejo
Acredito em tanta coisa estranha para outros
Sabem lá o que sinto toco e vejo

E falo sem que queira a palavra como resposta
E voo nas maravilhas que minha alma cria
E vivo na magia que me foi oferecida
Choro quanto pinto com as cores da alegria

Que Mundo este onde me colocaste Deus
Que vertigem esta procura apaixonante e sem descanso
Sei que as estrelas são teus luzeiros e olhos
E a minha estrada este…Mar Manso…

Um mágico novo ano


Abraço

J Araújo disse...

credito na força do perdão ,da gratidão e do amor.
Tambem sei que somos todos irmãos.
Uma parte de min aínda teima em agir de modo diferente de tudo aquilo que acredito
Mas eu não desisto, prosseguirei ...
Ano novo ,novos votos e metas
bj !


Força !!!! só mais um pouquinho... não para.... vamos conseguir...

Judite disse...

Boa tarde!

Como já comentamos no blog, o Yehi Or! sempre foi alvo de ataques, tendo sido
excluído e invadido muitas vezes.
Bem, infelizmente aconteceu de novo. Assim, decidimos por não insistir mais e deixá-lo excluído.

Mas não, ninguém vai nos calar. Em lugar do blog, temos agora um perfil no Facebook e uma página no Tumblr.
Então, vim avisar para que você continue a nos acompanhar nesses dois novos lares.
Pode nos adicionar, seguir... e se puder ajudar a divulgar, ficaremos muito gratos.

Aqui seguem nossos links:

Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=100003244609425

Tumblr: http://yehior.tumblr.com/


Muito obrigada pela amizade e por caminhar conosco por tanto tempo.
Continuemos juntos!

Abraços e que Deus seja contigo sempre!


http://www.youtube.com/watch?v=zBj-UZuNlxs


Equipe do blog Yehi Or!

Celina disse...

OI MARIANA, TANTO TEMPO, EU NÃO QUERO MAIS PERDER O TEU BLOG, SOBRE O POST MUITO BEM PENSADO AS PESSOAS A MAIORIA PARECE QUE FOGEM DA TRITEZA DOS DOENTES , E AINDA MAIS DA MORTE, NOS NÃO FOMOS PREPARADOS PARA A MORTE. SABEMOS QUE ELA EXISTE. O MOMENTO QUANDO MAIS PRECISAMOS DOS AMIGOS, AS VEZES NÃO É PRECISO NEM FALAR BASTA FICAR AO LADO. UM ABRAÇO CELINA

Fernando Gonçalves disse...

Olá, parabéns pelo seu blog.
Te convido a conhecer o meu,
http://carmasepalavras.blogspot.com/

;)

Leandro Ruiz disse...

A cada dia que passa um ciclo em nossas vidas se completam... mas saber ultrapassar os percalços que é uma grande dádiva.

Paz e bem!!!

Leandro A. Ruiz

www.lleandroaugustto.blogspot.com

www.eu-e-o-tempo.blogspot.com

Coruja disse...

Bem haja!

Infelizmente, não trago boas notícias:

Cito:

"O terror que os senhores aqui têm semeado

é de tal ordem

que eu receio seriamente

que o meu coração não resista

a mais uma noite de representação perversa.



Agradecia o favor de parar com as agressões

À PAZ,

à minha pessoa,

aos meus cães

e à minha propriedade



Caso me aconteça alguma coisa,

declaro responsáveis os autores

deste blogue."

Bem-haja!

Celina disse...

OI QUERIDA MARIANA, HOJE VENDO UNS POSTS ANTIGOS VI OS SEUS COMENTÁRIOS MUITO SENSATOS POR SINAL, SENTÍ FALTA DE TÍ E SAUDADES. LÍ O SEU POST ACHEI MUITO BEM FEITO E HUMANO, NÓS NÃO NOS ACOSTUMAMOS, NUNCA COM A MORTE, E QUANDO ATINGE ALGUEM QUERIDO,, A SAUDADE É MAIOR.UM ABRAÇO FRATERNO. CELINA.

✿ chica disse...

Vim te ver e desejar tudo de bom!beijos,chica

silvioafonso disse...

.


Eu tenho vindo ao seu Blog
e apreciado a sua forma de es-
crever.
Tenho gostado do que faz e
com base nisso eu tomo a li-
berdade de te convidar a ler os
meus melhores textos aonde eu
falo um pouco de cada coisa.

Espero que goste.

Obrigado.

silvioafonso





.

silvioafonso disse...

.


Eu tenho vindo ao seu Blog
e apreciado a sua forma de es-
crever.
Tenho gostado do que faz e
com base nisso eu tomo a li-
berdade de te convidar a ler os
meus melhores textos aonde eu
falo um pouco de cada coisa.

Espero que goste.

Obrigado.

silvioafonso





.

estrella disse...

hola Mariana, despues de una ausencia he vuelto a casa, y me alegra visitar alos viejos amigos, blogueros, un placer volver a leerte, mi salud ma ha hecho malas jugadas pero gracias a dios estoy mejor, espero sigamos en contacto, abrazos con cariño y bendiciones con amor.....Luz Estrella

Leandro Ruiz disse...

Amigos verdadeiros a gente conhece-os nos momentos mais difíceis que passamos, como eu costumo dizer, as turbulências da vida...

Leandro Ruiz

www.plus.google.com/u/0/115524738625459865358/about

www.lleandroaugustto.blogspot.com

http://www.eu-e-o-tempo.blogspot.com