segunda-feira, agosto 31, 2009

Inédito:Obra no Senado foi Superfaturada


Obra do Interlegis foi superfaturada, diz Ministério Público Federal.
A construção do prédio do Interlegis no Senado foi superfaturada em R$ 4,7 milhões, segundo denúncia do Ministério Público Federal (MPF) que aguarda decisão da Justiça Federal em Brasília desde agosto de 2004. A ação civil pública, à qual o Congresso em Foco teve acesso com exclusividade, tem como réus a construtora Delta Engenharia, vencedora da licitação, e as empreiteiras Via Engenharia e Contarpp Engenharia, subcontratadas para tocar a obra, e seus respectivos responsáveis.
Também foi denunciada a ex-diretora do Prodasen Regina Célia Peres Borges, personagem conhecida como autora da violação do painel do Senado que resultou na renúncia, em 2001, dos senadores Antonio Carlos Magalhães (falecido) e José Roberto Arruda, atual governador do Distrito Federal. Embora Regina tenha assinado os cinco aditivos do contrato com a Delta que deram origem à denúncia de superfaturamento, o juiz responsável pelo caso resolveu deixar a análise sobre a responsabilidade da ex-funcionária para o fim do processo.
Fonte:ultimosegundo.ig.com.br

sexta-feira, agosto 28, 2009

A dor transformada em Ação







O verdadeiro amor não é aquele que se alimenta de carinho e beijos mas sim aquele que suporta a renúncia e consegue viver na saudade..."

Esta frase dedico a Lisette, minha querida amiga que sobrevive um dia por vez há 1 ano e 7 meses, desde que a sua linda Alessandra de 18 anos virou Anjo, vítima da guerra do trânsito.
Vejo na Lisette um coração tão doce, tão terno, que transformou o coração o símbolo suave da saudade.
E desta dor surgiu a ONG Alerta, onde o objetivo é levar à todos que é possível sim evitar que mais lares sejam desfeitos.
Aprendo a cada dia de convívio amar e admirar mais esta mulher.Já lhe disse muitas vezes que eu não sei da onde vem a sua força.
Estou aprendendo com a Alerta muitas lições, que vão além do conhecimento das leis do trânsito e de tudo o que é possível fazer para acabar com fatos como este.
Nenhuma mãe merece receber as cinzas de um filho. Isto deveria ser Decreto Divino.
Amanhã terá o jantar solidário ( o primeiro de muitos) em benefício de muitas vidas.

Mensagem do fim de semana: Fique Atento! Fique Vivo!
ALERTA Sempre!
Foi coincidência o poste abaixo com este.( o que motivou o abaixo foi a reportagem do ZH e este é o jantar de amanhã).
Vamos viver o presente, demonstrar carinho,amor à quem é especial para nós.
Beijos à todos.

quinta-feira, agosto 27, 2009

Sou a favor da Cremação


No jornal ZH de ontem saiu uma reportagem que numa comunidade em Rio Grande, o cemitério só tem uma vaga.
No ano passado numa cidade do interior de SP um prefeito baixou um decreto que ninguém poderia morrer porque o cemitério da cidade não havia mais lugar.
Vejo que este problema é cada vez mais notícia, tudo porque a população cresce...
A morte é inevitável, é algo tão certo na nossa vida, por mais que não desejamos falar.
Vejo na cremação a melhor maneira para o destino da “nossa matéria”. Não ocuparíamos espaço (mesmo que seja embaixo da terra), e também seria bem melhor para o meio ambiente.
Não concordo com esta “tradição” de visitar e levar flores para os que não estão mais nesta dimensão.
Sempre digo que flores são para os vivos, para que possamos cheirar apreciar a beleza e o encanto.
E devemos visitar as pessoas que amamos que nos ensinam algo de bom em vida.
Eu quero ganhar flores enquanto eu puder pegar com as mãos, abraçar quem me oferece.
Para que cemitério? Para que coroas? Pura bobagem, desperdício.
A cremação deveria tornar-se viável para todos.
O governo deveria incentivar este ato.
Além do mais, cemitério nada é mais que algo triste, onde os túmulos são saqueados e o mosquito da dengue se multiplica.
Sou a favor da cremação.
Quando eu partir,depois que meus órgãos forem doados, minhas cinzas deverão ser jogadas no Beira-Rio (meu segundo lar).
Estou sempre pronta para receber flores, em qualquer momento, desde que seja antes da minha partida.

quarta-feira, agosto 26, 2009

Por que os homens são todos iguais?


Desconheço uma mulher que não “adore” encher a sua bolsa.
Lá tem de tudo um pouco.
Ontem nós chegando em casa, o Matheus abriu a minha para pegar o controle do portão e começou a “reclamar”:Para que a minha bolsa estava tão “cheia”,e começou a listar tudo que achava.
Quando viu uma sacola de tecido dobrada, disse:
- Até uma sacola, não é melhor colocar a bolsa dentro da sacola?E pra que isso? E isso?...
Disse-lhe que um dia ele terá as suas namoradas, e verá que somos assim.
O que não entendo porque os homens (até os filhos) não compreendem a necessidade nossa de carregar a “casa” dentro da bolsa.
E olha que ontem eu não estava com um canivete que costumo carregar.
Antes eu carregava uma soqueira, mas ela sumiu.

terça-feira, agosto 25, 2009

Profissão:Mendigo ou "esperto"


"Pedintes com cara de pelo amor de Deus vagando pelas ruas da cidade constituem uma cena, infelizmente, familiar ao paulistano. Dar ou não dinheiro a eles sempre foi uma questão polêmica. A esmola pode até aliviar situações de extrema necessidade, mas a longo prazo torna-se mais um problema do que uma solução. Mendigos que fazem ponto na mesma esquina há mais de dez anos não são exceção. Com a missão de acompanhar a rotina de quem fatura até 100 reais por dia nos faróis de São Paulo sem vender sequer uma bala, o repórter Fábio Soares apurou histórias surpreendentes de pessoas que transformaram mendicância em profissão. Foram dois meses seguindo sete pedintes de diferentes perfis, do ponto onde esmolam até o lugar onde moram. Soares, de 36 anos, passou por alguns apuros, como quando foi visto ao tentar fotografar o mendigo de cadeira de rodas que ilustra a capa trocando as moedas que arrecadara por notas mais graúdas em um estacionamento. "Ele veio para cima de mim e tive de correr", conta. "Achei um feito e tanto para uma pessoa que passa horas e horas esmolando numa cadeira de rodas e se diz impossibilitada de andar." A reveladora reportagem ,veja:

Convido para um jantar solidário

Convido os meus amigos para um jantar solidário no próximo sábado.
A ONG Alerta será a beneficiada no dia 29 deste mês.
Participo da Alerta.
Estou aprendendo e tenho muito o que aprender sobre este delicado tema: trânsito.
Clicar no convite.

segunda-feira, agosto 24, 2009

Socorro!!!Eu não sei votar.


Ontem à noite o Matheus me encarou sério e disse: ”mãe tu não sabes votar”.
Ao ouvir aquilo, fiquei “chocada”, justamente eu que pesquiso, que procuro me informar o máximo dos candidatos, que entro em contato com eles, e faço se comprometerem...
Questionei porque ele chegou a esta conclusão.
Matheus me disse “tu votas, e olha a situação do país”.
Aleguei que não votei no Lula, mas precisei ouvir: ”é e o RS? votou na Yeda, porque a escolheu?” Expliquei que foi só no segundo turno, porque o outro (Olívio) já tinha sido governador, e eu não aprovei a sua administração.
Após ele pensar disse: ”é não dava para votar nulo!”.
Não dava mesmo, porque se eu me omitir, perco o direito de cobrar do eleito.
Disse-lhe que após ouvir esta conclusão que eu não sei votar, fiquei traumatizada e irei precisar de um psiquiatra, analista ou qualquer coisa desde gênero.
Pois não é que o Matheus aumentou o meu trauma, porque saiu com esta: ”tu vais precisar fazer uma regressão.”
Se eu preciso fazer uma regressão para descobrir porque não sei votar, o problema é seríssimo, eu preciso de socorro.
Conclusão: Está chegando daqui a três anos, um eleitor muito qualificado e para me botar no chinelo.
Ele até sugeriu eu criar o Partido Vermelho, porque digo que não acredito nos partidos.

sexta-feira, agosto 21, 2009

Criança é sinônimo de Vida




Neste início de fim de semana, compartilho estas lindas fotos do filho da minha prima,o Lucas.
==============================
"A criança em si
é um espetáculo da vida
É renovação de espírito,
É o anseio de nossa alma
É a esperança contida.
Vejo no olhar de cada criança
Um misto de ternura e verdade
É um desejo que nasce no peito
De um mundo melhor, mais felicidade"

quinta-feira, agosto 20, 2009

Reconstrução


Através do jornal Zero Hora tive o privilégio de conhecer a Eloisa Menezes Pereira.
Ela é uma batalhadora, professora de português de uma escola estadual de Porto Alegre.
É uma poetisa e teve alguns dos seus poemas selecionados para a publicação do livro:Ecos Machadianos:coletânea Verso &Prosa de Salvador- Bahia.
Recebi o livro (com autógrafo) e estou me deliciando nos poemas de vários talentos.
Reconstrução
Bolhas de afeto ao vento
Torrentes de emoção
Delírios do coração
Afluem pelo alento...
Lembranças de opções
Ceiam na idade
Avançando com a prosperidade
Compensam as frustações...
Eloisa Menezes Pereira

quarta-feira, agosto 19, 2009

ALGUMAS MANEIRAS DE FAZER ALGUÉM FELIZ

Dê um beijo.
Um abraço.
Um passo em sua direção.
Aproxime-se sem cerimônia.
Dê um pouco de calor, do seu sentimento.
Sente-se perto e fique por algum tempo.
Não conte o tempo de se doar
Liberte um imenso sorriso.
Rasgue o preconceito
Olhe nos olhos.
Aponte um defeito, com jeito.
Respeite uma lágrima.
Ouça uma história ou muitas, com atenção.
Escreva uma carta e mande.
Irradie simplicidade, simpatia, energia.
Num toque de três dedos,
observe as “coincidências”.
Não espere ser solicitado, preste um favor.
Lembre-se de um caso.
Converse sério ou fiado.
Conte uma piada.
Ache graça.
Ajude a resolver um problema.
Pergunte:
Por quê?
Como vai?
Como tem passado?
Que tem feito de bom?
Que há de novo?
E preste atenção.
Sugira um passeio, um bom livro, um bom filme.
Diga de vez em quando, desculpe, muito obrigado,
Não tem importância, que há de se fazer,
dá-se um jeito.
Tente de alguma maneira ...
E não se espante se a pessoa mais feliz for você!!!
(autor desconhecido)

terça-feira, agosto 18, 2009

Se isto fizer sentido para você, espalhe.


Eleitor cumpra com a sua cidadania.
Não se omita.
Seja responsável.
Exija melhores candidatos.
Renove o seu voto, e se precisar trocar todos novamente, faça.
Vamos mudar a história. Nós podemos.

Ninguém entrega...
A chave da sua casa para estranho;
Cheque somente assinado para o lojista;
A conta corrente para outro cuidar;

Todo mundo escolhe...
A melhor escola para seu filho,
Um médico com referências,
A cor e o modelo do carro,
Conviver com os melhores amigos,

Ninguém volta...
Num estabelecimento se for mal atendido,
Num restaurante que oferece alimentos sem sabor,
Num hotel que não trate bem os hóspedes,

Portanto...
Porque deixaremos para os outros escolherem por nós:
Quem fará as leis do nosso país e Estado,
Quem distribuirá e como os altos impostos que nós pagamos.

Se você não fizer a sua escolha,
Outros farão no seu lugar.
Então...
Perderá o direito de reclamar pelos eleitos.
Não seja omisso e irresponsável.
Escolha por você, pelo seu filho e pela sua História.

Se concordar com esta sonhadora cidadã que acredita que o voto faz a diferença, repasse a outros eleitores.
"Uma andorinha só não faz verão".

Mariana Moura (a andorinha)

Pizza para variar


segunda-feira, agosto 17, 2009

A difícil missão de orientar

Hoje o Matheus retornou as aulas, depois do recesso por causa da Gripe A.
Como foi difícil eu dizer a ele, não deixar seus colegas beberem a sua água.
Ele sempre leva uma garrafa de água porque os professores não permitem sair durante as aulas para beber.
"Negar" água é algo tão absurdo, vai ao contrário do que eu lhe ensinei e do que ele pratica.
Desde o pré o Matheus divide seu lanche.
Nos dias quentes ele leva duas garrafinhas de 500 ml, porque sempre divide com os outros.
Por precaução e recomendação das autoridades da área de saúde, achei melhor prevenir.
Mas garanto que é muito estranho e "irreal" dizer a uma criança de 13 anos, que é para "negar água".
Dei também um potinho com álcool gel, por precaução.
Apesar de não viver numa paranóia, resolvi tomar alguns cuidados.

sábado, agosto 15, 2009

Amizade


"Amizade é transitoriedade
As pessoas são verdadeiras marés
Em nossa vida.
Elas vêm, elas vão.
Algumas nos afogam de prazeres,
Outras nos inundam de solidão.
Mas a certeza desse vai e vem
É que elas trazem em si
Alguma virtude...
Que você
Ainda não tem."
Autor:Arlisson Peres Marinho

sexta-feira, agosto 14, 2009

Solidariedade não tem idade

Belo exemplo para ler na sexta-feira.
Aposentada é reconhecida em Farroupilha pelo carinho que dispensa aos doentes
Farroupilha – Dulce Tartarotti é uma das personalidades mais conhecidas da cidade. E essa popularidade foi conquistada por causa de uma vocação: colaborar. Seja ajudando a promover atividades sociais e beneficentes, emprestando um pouco de seu carisma em visitas aos hospitais ou ainda doando roupas e alimentos, a aposentada de 82 anos mostra que a solidariedade pode ser praticada em qualquer idade.
O espírito de caridade veio do berço. Dulce conta que, apesar de rígida, a mãe sempre foi muito generosa.
O fato de sua família ter morado por muitos anos junto ao Clube do Comércio, quando ele era chamado de Vicentino, fez a menina crescer em um ambiente marcado pelo trabalho coletivo, na maioria das vezes voluntário.
Dulce foi idealizadora do primeiro baile de debutantes, na década de 1950, e desde então ajuda a organizar todos os bailes da entidade.
Em troca, recebe não mais que o carinho das meninas.– Trabalho voluntário faço desde criança. Sempre colaborei em tudo em Farroupilha, já que não tenho a minha própria família – conta Dulce, solteira, sem filhos e que mora com o irmão.
Dulce começou a trabalhar com 14 anos em um escritório, foi bancária e intensificou as ações solidárias depois de se aposentar.
Hoje, dedica a maior parte do tempo a quem precisa, seja de um carinho ou de uma roupa.– As pessoas que estão no hospital ficam muito felizes com a minha presença porque eu brinco com elas. Elas precisam de alegria. É claro que a gente sabe como lidar também em um momento difícil – ensina.
Nas visitas, Dulce costuma presentear os doentes com terços e escapulários. A casa da aposentada já serviu de central de distribuição de roupas e alimentos no passado, quando o número de entidades de assistência social ainda era incipiente na cidade.
Hoje, ela ajuda essas instituições, mas não perdeu a mania de atender quem passa por sua casa. Como gosta muito de fazer tricô, a aposentada costuma doar as roupas que produz para conhecidos e desconhecidos que batem a sua porta.
– Estou fazendo essa para uma menina que foi adotada – conta Dulce, enquanto termina o ponto de um casaquinho rosa.Dedicando boa parte de sua vida ao voluntariado, Dulce se diz recompensada, mas ainda não está satisfeita.
– Eu me sinto muito feliz, é uma pena que eu não posso ajudar ainda mais.

Jornal Pioneiro

Amanhecer:o 4º livro da série Crepúsculo

Estou lendo o final desta linda história de amor.
"Em Amanhecer, Bella se vê a frente da difícil decisão da escolha fatal entre fazer parte do obscuro, mas sedutor, mundo dos imortais ou seguir uma vida totalmente humana. Escolha essa, que é o marco em Amanhecer e que poderá significar a transformação do destino dos dois clãs: vampiros e lobisomens. Assombroso e de tirar o fôlego, Amanhecer, a aguardada conclusão da saga Crepúsculo, esclarece os mistérios e os segredos desse fascinante épico romântico que tem arrebatado milhões de leitores.Estar irrevogavelmente apaixonada por um vampiro é tanto uma fantasia como um pesadelo, costurados em uma perigosa realidade para Bella Swan. Empurrada em uma direção por sua intensa paixão por Edward Cullen, e em outra, por sua profunda ligação com o lobisomem Jacob Black, ela resistiu a um tumultuado ano de tentação, perda e conflito, para atingir o momento da decisão final. No momento em que Bella faz sua escolha, uma corrente de acontecimentos sem precedentes se desdobrará, com consequências devastadoras. No momento em que as feridas parecem prontas para ser cicatrizadas, e os desgastantes confrontos da vida de Bella, resolvidos, isso pode significar a destruição. Para todos. Para sempre."

quinta-feira, agosto 13, 2009

Desanimar sim, Desistir Jamais

Hoje recebi um desabafo de uma grande amiga cansada pela corrupção na política e por não haver mudança:
Eis o desabafo:
"Estou com tanto nojo destas hipocrisias políticas e dos p/sacos dos políticos que não dialogarei por algum tempo. É lógico que a Yeda não ganhará as eleições,mas que terá um expressivo número de votos, isso terá.Ainda circulam os que não querem perder "a boa vida" e jamais tentarão inovar suas capacidades e habilidades,são escravos do status.
Respondi e resolvi compartilhar com os amigos do blog. (Não colocarei o nome dela).

Compreendo-te, pois muitas vezes durante as minhas indignações, quis desistir, parar de fiscalizar. Até já chorei de raiva diante das mazelas da política, e garanto foi horrível. A raiva é um dos piores sentimentos, (foi o pior que senti) creio que nunca senti ódio.
Quando "resolvi" desistir de "perder tempo" (muita gente diz que é isso que faço) me senti fracassada como cidadã. Meu marido achou um absurdo a minha revolta e meu filho implorava para eu voltar a ser como antes.
Fui vencida pela missão e obrigação de ser cidadã.
Se ninguém fiscalizar e cobrar, daí sim seremos vencidos. Não é isto que eu quero.
Sempre escolhi, busquei informações dos meus candidatos, fiscalizo os "meus" e os "nossos”. E muitas vezes errei, porque como nas histórias infantis o príncipe vira sapo.
Matheus desde os seis anos "escolhe" os seus candidatos (nem sempre "são" os meus). Suas escolhas são feitas através da propaganda gratuita. Se defender animais, crianças e "velhinhos”, o candidato "ganha" o "voto" do guri.
No ano passado ele "escolheu" o Marchezan para prefeito porque suas propostas eram voltadas para a família e saúde. (se eu votasse em Poa meu candidato seria outro)
Ele entrou em contato com o Marchezan e recebi e-mails da atuação na AL.
Matheus fazia campanha e votava diariamente para os projetos do ZH, escolheu o metrô (foi o projeto escolhido pelo Internacional).
No dia das eleições para presidente do Internacional, ele estava inconformado porque não podia votar (só tem 13 anos).
Muitos do meu círculo de relacionamento esperam eu fazer a minha escolha e votam nestes, e os que têm partidos, perguntam: "qual a tua opinião do fulano?".
No dia das eleições municipais no ano passado, um vizinho do meu sogro foi na casa dele porque queria saber em quem eu votaria.
Voto em Gravataí, mas isto não me impedi de estar atenta aos outros municípios.
Continuo cobrando dos "nossos deputados federais, estaduais e senadores", pois acho que é minha obrigação.
Se hoje eu "partisse" para outra dimensão, iria com a certeza que formei um cidadão na minha casa. Ele sabe da obrigação que o povo precisa ter e do direito de lutar por um mundo melhor. Desistir nunca, mesmo que às vezes da vontade, e como dá. Até porque fiscalização dos órgãos “responsáveis” e justiça parecem não existir neste país.
Não desista amiga, a fase do desânimo é normal, mas passará.
"O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons."
Martin Luther King

Hoje é meu dia:Dia do Canhoto

A associação com o hemisfério direito do cérebro é dita ser mais ativa em canhotos, e geralmente é associada a genialidade e é correlacionada com habilidade artística e visual [carece de fontes?].Certos estudos indicam, que a percentagem de génios (QI muito elevado) canhotos é superior ao estatisticamente esperado, no entanto verifica-se igualmente uma tendência exagerada para padecerem de doenças do foro mental.[carece de fontes?]Em certos campos, canhotismo é vantajoso; por exemplo,
em baseball, onde existem muito mais destros do que canhotos, é comum um batedor canhoto ser mais bem sucedido contra um lançador destro, do que um batedor destro contra um lançador destro.
No futebol, jogadores canhotos são frequentemente mais habilidosos em jogar com o pé esquerdo (apesar do fato de ser canhoto não implica necessariamente que joguem com o pé esquerdo), o que faz com que eles sejam mais valiosos já que eles podem jogar melhor no lado esquerdo do campo do que jogadores destros. Interessantemente,
no hockey de gelo, há um número muito maior de atiradores canhotos, e a maioria dos defensores de gol pegam com a mão esquerda (forçando muitos deles a atirarem com a mão esquerda também).Na esgrima, um destro esgrimista é mais acostumado a ficar face à face com outro destro esgrimista simplesmente porque ser destro é mais comum. Um esgrimista canhoto está mais acostumado a ficar face à face com um destro pelos mesmos motivos. Então quando um destro esgrimista enfrenta um canhoto esgrimista, o destro não está acostumado a lutar com o canhoto, porém o canhoto está acostumado a lutar com o destro, causando em uma notável vantagem. A mesma vantagem pode estar presente para a maioria dos esportes de um-contra-um.No boxe existe uma dificuldade natural para a defesa, pelos destros, ao lutarem contra canhotos: é como se o boxeador tivesse de lutar diante de um espelho.O tênis também apresenta vantagens para os jogadores canhotos, já que o top spin de um canhoto tem um efeito ligeiramente diferente ao do destro, e o efeito no saque do canhoto joga a bola para o backhand do destro, dificultando a devolução. O reverso não ocorre pois os canhotos jogam frequentemente contra os destros, enquanto um destro pode disputar vários campeonatos sem enfrentar um canhoto.O judô também pode ser considerado uma vantagem para lutadores canhotos, uma vez que os destros fazem os exercícios e os golpes em geral do lado direito, e quando enfrentam alguem que luta do lado esquerdo, os mesmos enfrentam dificuldades a ponto de neutralizar toda a sua estratégia de luta, um exemplo de Judoca canhoto é Tiago Camilo. O mesmo é campeão pan-americano e octacampeão brasileiro.
Canhotos pensam mais rápidos diz pesquisa.( não sei se pensamos melhores)
fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Canhoto

quarta-feira, agosto 12, 2009

Porque sou contra CPI

CPI não é a solução, pois sempre acaba em pizza.
Além de ser um "palco" para briga de poderes e também briga pelos holofotes.
O que vi na CPI do Detran foi perguntas teatrais, risadas e muitos deputados descontrolados.
Não espero nada de positivo desta CPI da Corrupção. Para começar basta analisar o "ficha corrida"( na área política) de alguns integrantes da CPI.
Qual CPI resultou em condenações, punições??

terça-feira, agosto 11, 2009

Sou fã do Criminal Minds

Porque adoro este seriado:
"CRIMINAL MINDS" é um suspense centrado numa equipe de elite do FBI especializada em analisar os perfis dos mais temidos serial killers, antecipando seus próximos passos antes que eles voltem a atacar.
Quando não há outras pistas para um caso em série, o FBI logo pede ajuda para a Unidade de Análise Comportamental em Quântico.
Enquanto detetives comuns estudam as evidências de um crime, a unidade analisa o comportamento do criminoso para chegar à uma lista de suspeitos. Eles investigam o crime de dentro para fora — sem examinar as evidências no laboratório; ao invés disso, eles estudam o comportamento dos criminosos nas cenas dos crimes ou onde eles vivem ou trabalham, para descobrirem o que eles pensam."
E além do mais tem o charmoso ator Thomas Gibson que é um colírio.
Espero ansiosa por terça-feira às 20 horas e fico ligada no canal AXN.

Basta ter para onde ir


É preciso "saber" roubar


segunda-feira, agosto 10, 2009

A Crise do RS

O RS vive um triste momento da sua História, pois há acusações de autoridades e estas em vez de provarem sua inocência (já que dizem que são), tentam desqualificar as denúncias feitas pelos promotores.
Louvável a atitude da OAB, pois trabalha para que os fatos se tornem públicos.
Tudo deve ser esclarecido para o povo Gaúcho.
Não é possível neste momento permitir briga de vaidades e desqualificação do trabalho do MPF.
Não dá para aceitar que a governadora contrate um advogado que foi jurista adjunto da Secretaria Da Justiça "comandada" pelo José Otávio Germano (este também acusado).
As acusações são gravíssimas e por isso, deve haver uma resposta com transparência e respeitando ao erário e a democracia.
O que o RS menos precisa é da lentidão da justiça.
Respeito por favor.
O RS merece e precisa!
Será que mais uma vez não acontecerá nada?
Justiça Seja Feita o Mais Breve Possível.

O trio




Tudo como antes




Livro:Muito mais que uma princesa

Estou quase no fim deste romance.
É romantismo puro e eu como mulher adoro.
Sei que homens não apreciam ler romances, o que é uma pena.
"Filha ilegítima de um príncipe e de uma famosa cortesã, Lucia viveu confinada em escolas e conventos durante a maior parte de seus vinte anos. Mas a austeridade dos ambientes não a impediu de provocar um escândalo depois do outro. Exasperado, o príncipe Cesare de Bolgheri decide que a filha deveria se casar - e quanto antes. Controlar Lucia passaria a ser problema do marido.
Para arranjar o casamento, Sir Ian Moore, o mais respeitado diplomata britânico, é chamado às presas de uma missão na Anatólia. De volta à Inglaterra, ele promete a si mesmo que achará um marido para Lucia em poucas semanas, mas logo vê que sua experiência de diplomata talvez não seja suficiente para quebrar a resistência da moça. Apesar de não faltarem candidatos convenientes à nobreza e ansiosos para dividir o leito com uma jovem tão atraente, nenhum está à altura do espírito e da paixão de Lucia. Como convencer Lucia a casar-se por imposição do pai, e não por vontade própria? Será que algum acordo é possível quando é o amor que está em jogo? Sir Ian descobrirá que, muitas vezes, é mais difícil negociar com uma mulher do que com chefes de Estado."

domingo, agosto 09, 2009

Olhos e mãos de pai

Pai...
Pai, olho tuas mãos,
Elas são importantes na construção de teus filhos;
Que elas saibam ser firmes no orientar,Serenas no amparar;
Que elas não fujam ao dever de punir,E não se aviltem por agredir...
Tuas mãos, pai,
Devem ser o exemplo do teu trabalho
E que não se abram apenas materialmente,
Que isso é um modo de fechar a consciência,
Mas que, ao abri-las estejas abrindo muito mais
O teu coração e a tua compreensão...
Teus olhos, pai, que responsabilidade eles têm,
Que eles vejam as qualidades de teus filhos,
Por pequenas que sejam, para que as faças crescer,
Mas que não deixem de ver os defeitos e as falhas,
Porque pode ser teu o dever de corrigi-las...
Não te consideres, pai, sem defeitos,
Mas que isso não te desobrigues
Da perfeição de ensinares o que sabes certo,
Ainda que tu mesmo tenha dificuldade em segui-lo,
Mais importante do que conseguí-lo,
Sem dúvida será lutar por ele.
Pai,
o que se quer de ti,
É que pai sejas,
No conceber por amor,
No receber por amor,
No renunciar por amor,
No amor total dos filhos que,
sem teu amor,
perderão o significado da própria vida.
Pai,
estás presente no sangue,
Na herança biológica,
Na cor, no nome, na língua,
Tudo isso, porém, desaparecerá
Senão te fizeres presente no coração."
(Autor desconhecido)
Minha homenagem a todos os pais.

E se for verdade?


sexta-feira, agosto 07, 2009

"Ofensa" tem limite


David Coimbra está ignorando as leis

Hoje como na semana anterior o David Coimbra colocou na coluna dele que não é para votarmos para senador. Por discordar, enviei esta "carta" para ele.

David, tu estavas "indo tão bem no teu texto (Adúlteros e sonegadores), mas "fizeste meleca no final" ao concluir: Não vote para senador.
Tenho consciência que a atual situação e "atuação" dos senadores nos levam a crer que não precisamos deles, que se a "Casa" fechar hoje será um "favor" para a sociedade.
A realidade é outra e o que prevalecerá são as leis, portanto não basta nós em 2010 não votarmos para senador, se as vagas serão preenchidas.
(Na semana passada tu tinhas ido nesta mesma linha).
Estás usando o espaço o qual recebes para isso, de forma errada.
Como profissional deves ter conhecimento das leis.
Precisamos exigir candidatos melhores dos partidos, entrar em contato "com o escolhido" e fazer se comprometer conosco e após eleito, cobrar.
É possível reverter este quadro, depende de nós (coletivamente).
Se a solução em 2010 fosse não votar em senador, com certeza eu faria.
Como existem as leis eleitorais e elas são "cumpridas"; candidatos serão eleitos, portanto devemos agir com as armas que temos: cobrar dos partidos bons candidatos, eleger com consciência, fiscalizá-los e acima de tudo exercer o nosso papel de cidadão com responsabilidade.
David uses a tua coluna para conscientizar os leitores da importância do eleitor em cumprir com os seus direitos e deveres.
Faças uma Campanha concreta e responsável, para o bem da sociedade.
Se tu não queres votar para eleger um senador é um direito teu de omissão, mas não faças campanhas equivocadas, não ignores as leis.
Se não podemos mudar as leis, façamos o melhor que está ao nosso alcance.
Relembro aqui mais uma vez que gostaria que o Grupo RBS fizesse uma Campanha de conscientização do eleitor.
Os políticos somente mudarão quando os eleitores deixarem a inércia de lado.

Leia o texto
http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default2.jsp?uf=1&local=1&source=a2609249.xml&template=3916.dwt&edition=12867&section=70

quinta-feira, agosto 06, 2009

Não quero o Feijó como governador

Diante dos atuais acontecimentos no RS, há a possibilidade do vice assumir o governo, pois o MPF pediu o afastamento da Yeda.
Eu não quero que o Feijó assuma o Piratini nestas condições.
Quero sim ele governando o RS, mas eleito pelas urnas diretamente.
Quero o direito de analisar suas propostas.
Assumir nestas condições eu acho uma roubada para um pessoa pública que tem demonstrado retidão nos seus atos.
“Vejam:” Quem assume se Yeda for afastada?
O vice-governador Paulo Afonso Feijó. Mas ele teria de deixar o cargo caso a governadora obtenha recursos que derrubem o pedido de afastamento. Se a governadora perder o cargo após condenação da Justiça, o vice é empossado. No entanto, poderá ceder o comando do Piratini novamente se a governadora conseguir vitória em novos recursos contra a condenação “

(Fonte ZH)

Lamento a atual situação do nosso Estado, todos perdem.
Espero que em breve tudo seja esclarecido, punições ocorram, a justiça seja feita e principalmente que seja devolvido ao RS não somente o erário que lhe é de direito, mas a dignidade de um povo.
A governabilidade é essencial para o crescimento de um Estado.

Sou Campeã de mais um título Internacional

Inter Ainda mais campeão de tudo.
O maior Campeão gaúcho- 39 vezes
22 vitórias a mais em Gre-Nais
Tricampeão Brasileiro-Invicto
Campeão da Copa do Brasil
Campeão da Libertadores da América
Campeão do Mundo Fifa
Campeão da Recopa
Campeão da Copa Dubai
Campeão da Copa Sul- Americana
Campeão da Copa Suruga.
É melhor comemorar título internacional que da segundona.

quarta-feira, agosto 05, 2009

Ufa! Deixei de ser vice

Estava "cansada" deste título:vice
Vice da Copa do Brasil e vice da Recopa.
Hoje sou Campeã da copa Suruga.
Tudo está no seu lugar....

MPF trabalhando pelo RS

O MPF anunciou a pouco denúncia contra nove pessoas como réus: governadora Yeda Crusius, Carlos Crusius, José Otávio Germano, Luiz Fernando Záchia, Frederico Antunes, do ex-secretário Delson Martini, assessora da governadora Walna Vilarins Meneses, diretor do Banrisul Rubens Bordini e do presidente do Tribunal de Contas do Estado, João Luiz Vargas.
Foi solicitado afastamento dos cargos públicos, bloqueio dos bens, cassação de mandato, perda dos direitos eleitorais.
O MPF diz que não pode por motivo de sigilo anunciar do que "eles" estão sendo acusados.
Mas é referente ao caso Rodin, os motivos são: enriquecimento ilícito, dano ao erário ou mau uso da adminstração pública..
Vejam: João Vargas é presidente do órgão “responsável por fiscalizar o Estado.
João Vargas, José Germano (dep.Fed), Luis Záchia e Frederico Antunes (dep.est), os quatro foram presidentes da AL.
É hora de mudarmos esta história.
Precisamos exigir candidatos melhores.
Fiscalizá-los sempre.
Quando os eleitores cumprirem seu papel de cidadão, a "nossa história" será diferente.

terça-feira, agosto 04, 2009

Quero uma imprensa livre

Prezados representantes do povo gaúcho!
Deve ser do conhecimento dos senhores que a “nossa justiça” proibiu a imprensa de divulgar as falcatruas do filho do todo poderoso Sarney.
Este fato deve ser repudiado pelos profissionais da imprensa e por toda população.
Não podemos permitir que a censura volte.
Os cidadãos têm direito de obter a verdade dos fatos.
Hoje foi “somente” o caso citado, amanhã virão outros e mais outros, até calar de vez a imprensa livre.
Precisamos reagir, pois se não fizermos nada, os “poderosos” sem éticas poderão querer seguir o exemplo da Venezuela e do Equador.
Uma imprensa livre e um povo com direito a verdade dos fatos são fundamentais na nossa democracia.Espero que os senhores protestem.
Todos conhecem aquela história," hoje nos roubam uma flor do nosso jardim, e não fazemos nada..."
Não podemos permitir a volta da censura.
Quero ter o direito de saber da verdade.
Proteste por nós e façam acontecer.
2010 está próximo.
Atenciosamente
Uma eleitora sempre em Alerta

Enviei esta "carta" para "nossos" deputados federais e os três senadores.
A caixa da Emília Fernandes e do Fernando Marroni está lotada.

segunda-feira, agosto 03, 2009

Onde você vê um obstáculo

Onde você vê um obstáculo,
alguém vê o término da viagem
e o outro vê uma chance de crescer.
Onde você vê um motivo pra se irritar,
Alguém vê a tragédia total
E o outro vê uma prova para sua paciência.
Onde você vê a morte,
Alguém vê o fim
E o outro vê o começo de uma nova etapa...
Onde você vê a fortuna,
Alguém vê a riqueza material
E o outro pode encontrar por trás de tudo, a dor e a miséria total.
Onde você vê a teimosia,
Alguém vê a ignorância,
Um outro compreende as limitações do companheiro,
percebendo que cada qual caminha em seu próprio passo.
E que é inútil querer apressar o passo do outro,a não ser que ele deseje isso.
Cada qual vê o que quer, pode ou consegue enxergar.
"Porque eu sou do tamanho do que vejo.E não do tamanho da minha altura."
Fernando Pessoa